Mulher - 26/11/2012 - 11:10:50

 

Jovem da Bahia tenta leiloar virgindade para pagar tratamento da mãe

Jovem da Bahia tenta leiloar virgindade para pagar tratamento da mãe

 

Da Redação com agências

Foto(s): Divulgação / Arquivo

 

Baiana afirma que a mãe teve dois AVCs em quatro anos

Baiana afirma que a mãe teve dois AVCs em quatro anos


Novamente uma brasileira chama a atenção ao leiloar a virgindade pela internet. Após Catarina Migliorini, que conseguiu o equivalente a mais de R$ 1,5 milhão de um japonês pela primeira relação sexual, a estudante Rebeca Bernardo Ribeiro, 18 anos, natural de Linhares (SP) e que mora em Sapeaçu (BA), também tentou fazer um leilão. De acordo com ela, a ideia há cerca de um mês, logo após chegar à maioridade (no dia 16 de outubro).  "Eu tinha um pensamento totalmente diferente, que eu só ia perder quando eu casasse. Mas as circunstâncias pedem que eu negocie a minha virgindade, que para mim vai ser um negócio. Não tenho fantasias", diz a jovem em um vídeo divulgado no Youtube.

De acordo com Marcos Matheus Souza, amigo e assessor de Rebeca, a jovem "pretendia ajudar a comprar os remédios e dar uma melhor assistência para a mãe", mas se arrependeu depois que amigos e colegas da escola descobriram o vídeo e passaram a ofendê-la.

"Hoje, ela não pode colocar o pé para fora de casa que ouve as pessoas falando mal dela", contou Marcos, que não soube dizer se a estudante se inspirou na catarinense Catarina Migliorini, de 20 anos, que ficou famosa após leiloar sua virgindade por cerca de R$ 1,5 milhão. 

 

Ainda segundo Marcos Matheus, Rebeca não havia consultado a mãe para fazer o vídeo. "A mãe dela ficou sabendo porque a notícia se espalhou muito rápido pela cidade", explicou o amigo da jovem, que é estudante do 2º ano do ensino médio em uma escola pública da cidade. Rebeca mora sozinha com a mãe na cidade. O pai dela é divorciado e mora na sua cidade natal.

Segundo a TV Record, Rebeca se arrependeu do vídeo e tirou o registro do site. "Eu tive que parar de frequentar a rua. Não posso nem mais comprar pão, nem carne, entendeu? E nem ir ao colégio. Aí começou essa repercussão negativa", diz a jovem à TV. Ela afirma ainda que queria dinheiro para pagar o tratamento da mãe, que teve dois acidentes vasculares cerebrais (AVC) em quatro anos.

No caso da outra brasileira, Catarina, o leilão da virgindade da brasileira foi lançado no dia 15 de setembro. Com o final dos lances, em 15 de outubro, a brasileira se disse contente com o valor alcançado. "Eu não tinha preferência por ninguém, porque é apenas um negócio. Esse é um bom valor e eu estou feliz", comemorou Catarina.

 

Mesmo com poucos dias de veiculação do vídeo na internet, Rebeca "recebeu por e-mail uma proposta de R$ 6 milhões de um estrangeiro", segundo o assessor de Rebeca, que não soube informar a nacionalidade e a identidade do dono do lance. "Em Sapeaçu ela também recebeu outras propostas, mas já havia desistido da ideia e não pensou em aceitar nenhuma delas", acrescentou. O lance milionário foi feito antes da desistência e ela avaliava a proposta.

 

Carreira musical

Apesar da "infeliz ideia do leilão", como definiu o assessor da estudante, Rebeca pensa grande e quer seguir carreira artística como cantora. Ainda segundo o assessor e amigo, "o grande sonho dela é ser uma cantora do nível de Paulo Fernandes, sua grande referência na MPB".

 

Mesmo com o insucesso no leilão, Marcos Matheus avalia que a ideia pode ter ajudado para divulgar o talento da cantora. "Apesar de muita gente ter criticado e feito ofensas, ela também conquistou muitos admiradores depois do vídeo", destaca. O assessor aproveitou a oportunidade da entrevista ao Correio24horas para divulgar o trabalho da jovem, que "está em diversos vídeos na página dela no Facebook", que você pode conferir neste link.

 

 

;

Rebeca tem 18 anos e é natural de cidade paulistana

Rebeca tem 18 anos e é natural de cidade paulistana

Links
.
.
Vídeo