Prefeitura de São Bernardo é premiada no 34º Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde


 

ABCD - 30/07/2018 - 19:57:07

 

Prefeitura de São Bernardo é premiada no 34º Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde

Prefeitura de São Bernardo é premiada no 34º Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde

 

Da Redação com agências

Foto(s): Divulgação / Arquivo

 

Trabalho desenvolvido no CER concorreu com outros 500 trabalhos no cenário nacional; Evento aconteceu em Belém (PA), entre os dias 25 a 27 de julho

Trabalho desenvolvido no CER concorreu com outros 500 trabalhos no cenário nacional; Evento aconteceu em Belém (PA), entre os dias 25 a 27 de julho


A Prefeitura São Bernardo foi premiada no XXXIV Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde, que aconteceu entre os dias 25 a 27 de julho, em Belém (PA). O trabalho “Vir a Ser – Estratégia Interna para a difusão de teorias e práticas para o atendimento dos TEA (Transtorno Espectro Autista), no contexto da reabilitação da pessoa com deficiência”. Esta ação foi desenvolvida em São Bernardo pelo Centro Especializado em Reabilitação (CER) e  concorreu com 500 outros trabalhos, de 1.750 municípios participantes. 

O encontro, que também representa a “15º mostra Brasil Aqui tem SUS”, reuniu mais de 4.000 gestores, de todo o País e contou com o apoio do Ministério da Saúde, da ANVISA, do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) e da Prefeitura de Belém. O representante de São Bernardo foi o secretário de Saúde, Dr. Geraldo Reple. 

“A cidade de São Bernardo está sendo reconhecida nacionalmente pelo trabalho que é realizado no CER. Estamos levando as nossas unidades de saúde opções inovadoras de tratamento e cuidado aos nossos pacientes. Receber este prêmio demonstra o quanto estamos trabalhando para melhorar a saúde do município. E principalmente, que estamos no caminho certo”, disse Reple. 

O trabalho premiado tem o objetivo de oferecer um tratamento multidisciplinar as crianças com diagnóstico de autismo. Uma das autoras do projeto, a psicóloga Gilmara Pereira de Castro, ainda salientou que este prêmio não significa uma conquista para a cidade e sim, para todo o país. “Representamos a causa da pessoa com deficiência. Acreditamos que através do cuidado e do atendimento multidisciplinar ao usuário e as famílias iremos favorecer o desenvolvimento das pessoas. Acreditamos também que todas as crianças têm possibilidades de inclusão social", disse a psicóloga. 

 

Este trabalho também tem a participação das psicólogas, Márcia Conceição Abbamonte, Mayra Tomaz Freire, Patrícia Helena Vaqueiro. Também das fonoaudiólogas Milena Pellegatti e Larrisa Trentim e das terapeutas ocupacionais Antônia Fonseca e Luana de Araújo. Todas funcionárias da Prefeitura do município.

;

Links
Vídeo


Últimas Notícias




TJ-SP devolve mandato a prefeito de Mauá, cassado por deixar cargo vago ao ser preso


Governo federal lança carteira estudantil digital


CAOA acerta compra da fábrica da Ford para produzir Changan


Morando e Doria conquistam investimento de R$ 2,4 bilhões com a Volkswagen


OAS delata R$ 12 milhões de propinas em São Bernardo na gestão de Luiz Marinho, PT


Bolsonaro analisará possíveis vetos a projeto de abuso de autoridade