Cultura regional é exaltada no encerramento do calendário de festejos dos 465 anos de São Bernardo


 

ABCD - 31/08/2018 - 19:49:23

 

Cultura regional é exaltada no encerramento do calendário de festejos dos 465 anos de São Bernardo

Cultura regional é exaltada no encerramento do calendário de festejos dos 465 anos de São Bernardo

 

Da Redação com agências

Foto(s): Ricardo Cassin/ Arquivo

 

Neste fim de semana, cidade recebe o 1º Festival do Cambuci, no Rudge Ramos, a tradicional Procissão dos Carroceiros, com saída da Igreja Perpétuo do Socorro, no DER, e o 1ª Costela de Chão da Procissão, no estacionamento do Ginásio Poliesportivo, no Bairro Anchieta

Neste fim de semana, cidade recebe o 1º Festival do Cambuci, no Rudge Ramos, a tradicional Procissão dos Carroceiros, com saída da Igreja Perpétuo do Socorro, no DER, e o 1ª Costela de Chão da Procissão, no estacionamento do Ginásio Poliesportivo, no Bairro Anchieta


A cultura regional será exaltada no encerramento do calendário que celebra os 465 anos de São Bernardo. A partir deste sábado (01º/09), a cidade entrará na tradicional rota gastronômica com o 1º Festival do Cambuci, no Parque Salvador Arena. No domingo (02/09), será a vez da tradicional Procissão dos Carroceiros, que neste ano completa 101 anos de existência, com saída da Igreja Perpétuo do Socorro, no DER. Após a peregrinação até a Igreja Matriz, os festejos serão encerrados no Ginásio Poliesportivo, com a 1ª Costela de Chão da Procissão, organizada pela Associação Cultura Tropeira (ACT), idealizadores da Queima do Alho. 

O Parque Salvador Arena, no bairro Rudge Ramos, será o palco do 1º Festival do Cambuci, no sábado e domingo, das 10h às 18h. Organizado pela Prefeitura de São Bernardo, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Trabalho, Turismo (SDECT), o evento tem o objetivo de valorizar o potencial gastronômico e cultural deste fruto nativo da Mata Atlântica. No evento será possível prestigiar a Feirinha do Cambuci, onde haverá produtos como geleia, bolo, pão de mel, sorvete, bombom, entre outros, feitos à base de cambuci. Os visitantes também poderão conferir oficinas gastronômicas, que ensinarão como fazer brigadeiro, sucos, coxinha, quiche, empadas e cupcake de cambuci.

Um momento de reflexão e fé deve marcar a tradicional Procissão dos Carroceiros, que completa 101 anos de existência. Criada em 1917 em celebração à Nossa Senhora da Boa Viagem, padroeira de São Bernardo, a procissão tem saída prevista neste domingo (02/09), a partir das 10h, da Igreja Perpétuo Socorro (Rua Maria Adelaide Lima Quelhas,100, DER), com previsão de chegada à Igreja Matriz, às 12h. Está prevista a participação de mais de 2.500 pessoas, segundo os organizadores.

Devotos da região e romeiros vindos de várias cidades do Estado participam da programação religiosa e cultural desde 1917. Entre as décadas de 60 e 80, a festa deixou de ocorrer, principalmente em razão da mudança do perfil de São Bernardo, que passou a ser industrial. A partir de 1980, no entanto, o cortejo voltou com força total e relembra todos os anos a história da cidade e do País. Essa tradição se iniciou com Dom Pedro I, que parava na antiga capela, em frente ao largo da Matriz, que era caminho para Santos, hoje atual Marechal Deodoro, e pedia proteção e a benção a Nossa Senhora para uma boa viagem. 

Para encerrar o calendário de aniversário, o grande público é convidado a participar da 1ª Costela de Chão da Procissão, a ser realizado no estacionamento do Ginásio Poliesportivo (Avenida Kennedy, 1100, Bairro Anchieta). Organizado pela Associação Cultura Tropeira (ACT), o evento acontece neste domingo (02/09), a partir das 12h. Idealizadores da tradicional Queima do Alho, uma alusão à culinária típica das comitivas de peões de boiadeiro, a festa deste ano vai privilegiar a Costela no Chão. Será construída uma grande churrasqueira, rente ao chão, com 20m de comprimento e 3m de largura, no qual serão preparadas aproximadamente 200 quilos de costela. Como acompanhamento, o tradicional arroz carreteiro e feijão tropeiro. A festa tem entrada gratuita, mas para participar do almoço, será cobrado R$ 25 por pessoa. 

;

Links
Vídeo


Últimas Notícias




Médicos formados no exterior tentam validar diploma no Brasil


Exposição em São Paulo reúne fotografias de cenas da região da Luz


Gleisi Hoffmann, em "ato falho", entrega quem é proprietário do sítio de Atibaia


Em reação à nova equipe econômica, dólar cai e Bovespa sobe


Ministro propõe que médicos oriundos do Fies substituam cubanos


Fernanda Lima chora, mas não vai salvar "Amor & Sexo" do fim