Programa Qualifica Mais São Bernardo impulsiona geração de emprego


 

ABCD - 24/06/2022 - 18:10:50

 

Programa Qualifica Mais São Bernardo impulsiona geração de emprego

Programa Qualifica Mais São Bernardo impulsiona geração de emprego

 

Da Redação com agências

Foto(s): Divulgação / Gabriel Inamine / PMSBC

 

Prefeito Orlando Morando participou da aula inaugural no Cacilda Becker; são 676 vagas ofertadas

Prefeito Orlando Morando participou da aula inaugural no Cacilda Becker; são 676 vagas ofertadas


Programa de capacitação profissional em convênio com o Senac, o Qualifica Mais São Bernardo tem se destacado por impulsionar a geração de oportunidade, emprego e renda na cidade. Além de promover feirões e incentivo fiscal, a Prefeitura, governada por Orlando Morando, investiu para viabilizar grade do segundo semestre do projeto, o que irá significar a abertura de 676 vagas de cursos de qualificação. Morando participou nesta sexta-feira (24/6) da aula inaugural do programa, realizada no Teatro Cacilda Becker.

Serão 24 turmas de cursos gratuitos com objetivo de auxiliar os moradores de São Bernardo na recolocação no mercado de trabalho ou em empreender novos negócios. O município é quem colhe os frutos. Segundo o Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), São Bernardo registrou saldo positivo de 1.609 empregos com carteira assinada em abril, último balanço do levantamento, liderando ranking do Grande ABC. Apesar da crise no País, os números dos últimos 12 meses na cidade também são amplamente favoráveis: 13.556 postos criados.

“Faço questão de presenciar o fomento de cursos de qualificação profissional. O mercado de trabalho é cada vez mais competitivo, e o Senac é uma instituição com expertise nesta atuação. O convênio com a instituição torna-se fundamental para colaborar com a Prefeitura no processo pós-pandemia de retomada do emprego, renda e no estímulo a novos empreendimentos. Todo esse cenário causa impacto no desenvolvimento econômico da cidade”, sustentou o prefeito Orlando Morando.

A grade foi concretizada pela Administração em convênio celebrado com o Senac no valor de R$ 600 mil – o acordo abrange também contrapartida de vagas por parte da entidade de ensino. “São 5 anos de parceria com a Prefeitura. O Senac acredita que os cursos, de fato, podem mudar a vida das pessoas, porque apostamos na educação: conhecimento, habilidade e atitude. São valores essenciais para qualificar e manutenção do emprego”, pontuou a coordenadora do Senac, Camila Sartori Finardi.

A programação foi elaborada pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Trabalho e Turismo, em conjunto com o Senac, baseada em estudo de demanda de mercado. As atividades serão ministradas no complexo do Cenforpe, incluindo a cozinha pedagógica, e na unidade do Senac (Av. Senador Vergueiro, 400). Para o titular da Pasta de Desenvolvimento Econômico de São Bernardo, Hiroyuki Minami, cerca de 5.000 moradores já se formaram desde 2017 no programa. “Emprego resulta em dignidade. Esse investimento resulta em dignidade às pessoas.” 

GRADE – Os cursos são relacionados às áreas administrativa, de gastronomia, tecnologia e beleza, que vão de julho a fim de novembro. Entre os 21 títulos de cursos, quatro turmas ainda têm vagas remanescentes com inscrições até 30 de junho pelo site (https://www.saobernardo.sp.gov.br/web/sdect/qualifica-mais-sbc). São eles, Organizador de Eventos (duas turmas), Atendente de Lanchonete e Monitor Ambiental.

A lista é composta ainda pelos cursos de Operações Logísticas, Assistente de RH, Assistente Administrativo, Design de Sobrancelhas, E-comerce, Excel, Formação Básica em Chocolataria, Básico em Confeitaria, Pizzaiolo, Salgadeiro, entre outros.

;

Links
Vídeo


Últimas Notícias




Campanha eleitoral começa hoje nas ruas do país


Eleições 2022: como polarização política se manifesta nos pátios das escolas


Justiça do PR nega habeas corpus a policial que matou tesoureiro do PT


Policial que matou tesoureiro do PT já está em Complexo Médico Penal


Eleições 2022: calendário oficial aprovado pelo TSE


Dólar cai para R$ 5,07 e fecha no menor nível em dois meses